Início Curiosidades Se é Seguro vamos falar sobre o Projeto “Celular Seguro”

Se é Seguro vamos falar sobre o Projeto “Celular Seguro”

667
celular-seguro

Publicado no G1, A Secretaria de Defesa Social do Interior de Minas Gerais (No programa segundo o site conta com 30 cidades atualmente) fará o cadastro de smartphones no programa “Celular Seguro” no site da Policia Militar de Minas gerais. Trata-se de um banco de dados com os números de International Mobile Equipment Identity (IMEI) de celulares, que é usado p checar se o aparelho é fruto de roubo.

O projeto parece ser bom, mas não condiz com a nossa realidade atualmente, por isso fomos investigar.

Assista o video

“Em casos de abordagem ou revista, se os militares desconfiam da origem de um aparelho, ele pode consultar no banco se o objeto é fruto de roubo ou furto e tomar as devidas providências.”

“Pera ai”, cabe o julgamento do Militar no qual irá abordar o “suspeito”, se o aparelho é de origem de furto ou roubo ? Fomos investigar e entramos em contato com os responsáveis do projeto Celular Seguro. Fizemos uma entrevista por telefone com o idealizador do projeto o  Coronel Nascimento e fizemos as seguintes perguntas:

– E os termos de condições de uso dos dados, não estão disponíveis?
– O projeto ainda está em desenvolvimento e os termos de condições de uso será incluso até o final de setembro. Com ele, virá respectivamente o aplicativo com melhorias.

– O cadastro é sigiloso? 

– O projeto em parceria com a prefeitura foi apenas para a divulgação de canais e midia. Todos os dados estão hospedados exclusivamente dentro do orgão da policia militar.

– Analisamos aqui que ele tem parceria com a prefeitura e o site não foi desenvolvido pela corporação?

– O site não foi atualizado ainda e esta informação do rodapé será removida.

“Mesmo entendendo que o projeto foi idealizado por um órgão publico e segundo o Coronel Nascimento estes dados não são compartilhados. Porém fica a pulga na orelha, porque existe uma empresa por trás do projeto?”
Mouseth – FsocietyBr

O nosso blog tem como objetivo tratar a segurança da informação ao pé da letra, assim como na série Mr Robot. Citamos alguma melhorias para que o Celular Seguro necessita fazer para que este projeto dê resultado:

  • O site precisa ter maior transparência  com os usuários cadastrados e não cadastrados, com a respectiva pena para cada delito.(http://ww3.policiamilitar.mg.gov.br/48bpm/CelularSeguro/?path=home/index),
    • Seja transparente com as clausulas de termos de condições de uso. Em nenhum lugar no site aonde você efetua o seu cadastro está transparante como, quando e para aonde irá seus dados e a forma de consulta do mesmo.
    • A plataforma ainda está em desenvolvimento e precisa estar preparada para o respectivo atendimento (detalhe, o atendimento não é realizado no final de semana).
    • A nossa equipe entrou em contato por e-mail e este foi o nosso retorno: O e-mail no qual a Policia Militar está invalido. 
    • Por ultimo e não menos importante, a atualização de cadastro. Por mais que o celular seja de uso pessoal, ele pode ser trocado, vendido e alterado da forma que o usuário achar melhor. Se o dado não condiz com a “base de dados da policia militar”, caberá ao Policial Militar julgar se o suspeito está utilizando um celular roubado?
    • Existem outras diversas divergências a respeito disso dentro do âmbito jurídico para que seja melhorada.  Sugestões para atualizarmos aqui em nossa publicação, deixe nos comentários.

Caso você seja um cidadão de Minas Gerais e está em dúvida sobre o projeto. Pedimos a gentileza de aguardar até que o projeto Celular Seguro esteja apto para sua respectiva demanda e principalmente responsabilidade.

Confira alguns app’s para manter seus dados seguros:

Android

1. Prey Anti-Theft

Prey é um dispositivo anti-furto gratuito e de código aberto compatível com Windows, Mac, Linux, iOS e Android. Ele envia relatórios imagens e dados de uso do computador roubado.

O aplicativo é muito leve, tem pouco mais de 2 MB e, depois de ser instalado, roda escondido no computador. Caso ele seja roubado ou perdido, o usuário pode acessar um painel de controle no site do Prey e marcar o dispositivo como perdido.

O programa passa, então, a enviar relatórios periódicos com as informações que o usuário solicita. Entre os dados disponíveis estão a localização do aparelho (rastreado por GPS ou Wi-Fi), screenshot, foto da câmera, informações sobre a rede e programas executados.

Ainda dá para bloquear o uso do dispositivo com senha e fazer soar um alarme no melhor estilo Car System.


2. Android Lost

Descoberto aqui pelo Luiz Cruz, chefe do INFOlab, o Android Lost é um aplicativo gratuito que controla o celular remotamente. E ele faz de tudo: bloqueia o celular, limpa dados, localiza pelo GPS, controla a câmera, acessa mensagens de texto, dispara um alarme, programa o envio de mensagens de texto, entra várias outras coisas.

Além da variedade de recursos, outra característica que impressiona é a rapidez. Ações como ativar ou desativar o GPS e o Wifi, fazer soar o alarme ou exibir uma mensagem na tela demoram poucos segundos para ser executadas quando celular está numa rede Wi-Fi e, mesmo no 3G, o tempo não aumenta tanto

—————————————————————————————————-

3Wheres My Droid

O Wheres My Droid permite rastrear smartphones Android perdidos ou roubados pela internet.

Além de oferecer opções para encontrar o smartphone, o Wheres My Droid também permite emitir sons e enviar mensagens de texto para o celular perdido. Ele também conta com proteção por senha para impedir que os aplicativos instalados tenham alguma alteração.

A versão paga do do app ainda oferece opções para bloquear e limpar o cartão SD e os dados do telefone remotamente.


4. Locate My Droid

O Locate My Droid permite consultar a localização de seu smartphone Android pela internet. Com ele, é possível rastrear o celular do navegador em tempo real e em todo o mundo.

Para que o aplicativo comece a funcionar, é preciso que o usuário ative o serviço no smartphone após a instalação.

 

Para iOS:

1. Find My iPhone

iphone perdidoNossa primeira recomendação não podia deixar de ser o Find My iPhone, o app oficial da Apple para que você possa localizar seu iPhone perdido em qualquer lugar. Para tê-lo em seu smartphone, é necessário ter no mínimo o iOS 5 instalado  e ter uma conta do iCloud.

Hoje em dia, esses são procedimentos padrão e o Find My iPhone já virá instalado no seu dispositivo. Com ele, é possível rastrear seu aparelho diretamente no site do iCloud (que pode ser acessado aqui), além de você também poder bloquear ou apagar os dados do seu iPhone remotamente. Caso precise, o app pode ser baixado neste link.

2. GadgetTrak

Se estiver procurando alternativas, você também pode tentar o GadgetTrak , que aumenta as chances de você recuperar seu smartphone ao gerar diversos relatórios de localização. O app mandará mensagens ao seu dispositivo e até tirará algumas fotos do possível ladrão com sua câmera frontal para te enviar.

Além disso, depois de instalado, o Gadget Trak não poderá ser deletado do seu iPhone sem uma senha específica, o que não permitirá que ninguém além de você o tire do aparelho. O aplicativo pode ser baixado diretamente neste link.

3. Device Locator

O Device Locator também oferece algumas características muito boas caso você não lembre onde deixou seu iPhone ou se ele tiver sido roubado. Ele pode emitir um alarme para que você saiba exatamente onde ele está em sua casa, por exemplo.

Se suspeitar que outra pessoa o está usando, o app também pode tirar uma foto da pessoa com a câmera frontal e te enviar sem o ladrão saber. O Devie Locator é pago, mas vale a pena por ser mais completo que outros apps gratuitos da mesma categoria. Clique aqui para baixá-lo.

4. iHound

iphone roubadoO iHound é ainda mais perfeito caso você tenha certeza de que seu iPhone foi roubado, já que o app pode bloqueá-lo, apagar todos os seus dados de forma remota ou tocar uma sirene bem alta e que não pode ser desativada facilmente sem uma senha.

É claro que ele também pode rastrear seu iPhone como os outros aplicativos, mas suas outras funções têm grande destaque. O download do aplicativo é grátis e pode ser feito por este link, mas os usuários têm que fazer uma assinatura de pelo menos três meses para poderem usar todos os seus recursos.

5. If Found+

O If Found+ é um dos aplicativos pagos mais baratos da nossa lista e também traz alguns recursos bem interessantes para quem perdeu o iPhone. Ele muda seu plano de fundo com uma mensagem que avisa que o iPhone em questão foi perdido, ajudando caso alguém o encontre.

É possível usá-lo para localizar seu aparelho, mas o foco do aplicativo claramente se baseia na situação de alguém achar e devolver o seu dispositivo. Se você se interessou, pode baixar o If Found+ através deste link.

Deixe seu comentário